A Mensagem da Bíblia | Parte 3

Nas últimas duas semanas, temos visto como a Bíblia comunica uma grande mensagem que tem um grande propósito. A Bíblia fala sobre o Reino de Deus e sobre Jesus, o Rei do Reino, e o propósito dessa mensagem é moldar em nós o caráter de Cristo — nos tornar cidadãos do Reino.


No entanto, afirmar que a grande mensagem é uma só, não significa que todos os livros a comunicarão da mesma forma. Cada livro contribui da sua forma, e assim também é com os Profetas Menores. Os doze livros dos Profetas Menores seguem uma sequência lógica quando pensamos em suas mensagens — existe um fluxo de pensamento [1]. Eles não são organizados cronologicamente pelo reino que o profeta estava ou por qualquer outra coisa que não sua mensagem.


Esse fluxo segue 3 grandes tópicos, que não são exclusivos naqueles livros, mas que são, de alguma forma, enfatizados. Esses 3 grandes tópicos são: pecado, punição e restauração. Os 6 primeiros livros enfatizam o pecado, os próximos 3 enfatizam a punição e os 3 últimos enfatizam a restauração. Hoje veremos os 6 primeiros, deixando os 6 restantes para a conclusão da nossa série na semana que vem.


I. Pecado


Embora o tema “pecado” não seja exclusivo nesses 6 primeiros livros, ele é enfatizado mais do que nos outros livros dos Profetas Menores. Ao mesmo tempo, isso não significa que “punição” e “restauração” não são temas encontrados. Semana passada, nós definimos a mensagem dos Profetas Menores como julgamento e redenção através de Cristo, e realmente é possível vermos cada um desses aspectos em todos os livros. Contudo, o fluxo de pensamento dos Doze apresenta ênfases diferentes, e de Oséias a Miquéias, o foco está no pecado do povo. Deus está usando esses profetas para mostrar a situação do povo, que se afastou dele ao buscar satisfação em outros deuses.


Oséias: Israel, Yahweh tem um caso contra você. Você se prostituiu e foi como uma esposa infiel, afastando-se da fidelidade, do amor constante e do conhecimento. Volte para Yahweh, seu marido!


Joel: Pois o Dia do Senhor está próximo, e o arrependimento é sua única esperança! Serei um refúgio para o meu povo, mas um leão que ruge e devora contra todos os que não ouvem a minha voz!


Amós: Quão seguro você se sente, mas quão inseguro você realmente está! Eu o disciplinei, mas você não aprendeu. Você antecipa minha vinda, mas para você será um dia de julgamento. As promessas do meu Reino são apenas para aqueles que se arrependem!


Obadias: Saiba que orgulho e ódio não têm lugar em meu Reino vindouro; é por isso que seu irmão Edom será destruído.


Jonas: Mas fique atento, pois o seu orgulho e ódio pelos outros se assemelham ao de Edom, e está em contraste direto com a misericórdia de Yahweh. Estenda compaixão ao invés de se regozijar na destruição dos outros, para que o julgamento de Deus não caia sobre você!


Miquéias: Yahweh, de seu tribunal, considerou você e as nações culpados! No entanto, o dia do Seu julgamento final não chegou, e em Sua misericórdia, Ele ainda vai perdoar seus pecados, se você apenas se arrepender. Você fará parte do julgamento ou da redenção?


Semana que vem veremos as mensagens específicas dos últimos 6 livros dos Profetas Menores e como os 12 juntos contribuem para a transmissão da grande mensagem das Escrituras.


Editorial de Gustavo Henrique Santos

[1] Esse fluxo de pensamento é baseado em aulas sobre os Profetas Menores preparadas por Jason DeRouchie. Para mais, veja https://jasonderouchie.com/derouchie-lectures-on-the-twelve/


© 2018 Igreja Batista Maranata. Todos os direitos reservados.